segunda-feira, agosto 22, 2011

As sementes da Laranja...


Esses dias eu vi em uma revista que não me lembro o nome uma matéria falando sobre “pensamentos de laranja”. Matéria essa que eu achei simplesmente genial, porque eu nunca tinha pensado que é tão comum ficar pensando enquanto come aquela boa e velha laranja... Isso sem falar que tu precisa de uma concentração toda especial para escapar das sementes malditas dessa fruta. Mas falando em sementes, cheguei à conclusão de que laranja perderia 55% de sua graça se não tivesse sementes. A semente é o que te faz pensar na hora de comer laranja: ou você tira ela com a mão, ou você cospe, e vamos combinar que cuspir as sementes é algo muito divertido.



TCHOOO

Os meus pensamentos de laranja são aqueles que não têm propósito nem razão alguma. Costumo chamar de “pensamentos dadaístas”, pois não tenho a mínima intenção de explicar eles pra vocês. Geralmente eu falo sobre assuntos sem valor algum e que ficam vagando entre o subconsciente e o inconsciente da minha cachola, assuntos esses que por algum motivo que eu não sei qual é, conseguem romper barreiras da minha mente e vêm à tona num lapso totalmente sem sentido. Daí o nome “pensamentos dadaístas do Felipe Bizzi”. Veja esse post, por exemplo, é um desses pensamentos. Estou escrevendo de uma forma totalmente mecânica e impulsiva, as palavras estão praticamente pulando da minha cabeça e se jogando na tela do meu computador do trabalho – e sim, eu sei que elas não estão colocadas da maneira certa. Que se foda, pelo menos elas se atiram de uma maneira muito elegante - e barulhenta, pra falar bem a verdade. Todos os meus colegas de trabalho dizem que meu teclado é feito de madeira ou de algo parecido. Me provocam o dia todo, dizendo coisas como "tátátátátátá". Não tiro a razão deles, porque de fato, uma máquina de escrever passaria vergonha se fosse posta do lado desse meu teclado.

TCHOOO

Ontem eu reparei que algumas pessoas que usam teclados por mais de um ano, vão desgastando as letras das teclas, saca? Engraçado, eu uso esse computador diariamente (Aqui no meu trabalho, computador esse que serve basicamente para isso, digitar) e ele nunca me mostrou nenhum sinal de desgaste.. Acho que eu devo ter mais sorte que juízo, ou esse “teclado de madeira” é de boa qualidade e curte o toque dos meus dedos.. Sinta meus dedos, teclado maldito, sinta. Tá gostando? Desse jeito que tu grita, parece que não.

TCHOOO

Outra coisa que me chamou atenção ontem a noite foi à boa e velha máquina de escrever. Gostaria de ter uma maquina de escrever pra poder escrever os meus posts aqui no blog (tô aceitando doações). Escrever um post usando uma daquelas velhas e pesadas máquinas seria uma coisa fantástica. É muito bom "ouvir” os pensamentos voando da sua cabeça, direto para a folha branca de papel. Qualquer dia eu consigo uma maquina e aí sim eu vou postar algo totalmente novo aqui para vocês. Fico bobo pensando no jeito de mudar de linha, totalmente manual, a falta do número 1 no "teclado" (a letra minúscula L fazendo as vezes de 1), o fato de não poder errar e bla bla bla... Umas horas eu até entendo alguns escritores ainda preferirem criar seus livros usando as máquinas de escrever. Acho que deve ser muito bom ver o teu trabalho escrito a “mão” ficar conhecido. Sei lá, nem vou falar muito disso, porque isso é coisa de gente que gosta muito de tradições.

TCHOOO

Tradições são engraçadas.. Eu sempre digo que gosto de coisas tradicionais, mas sempre coloco regras diferentes em coisas que não mudam nunca. Já pensou se na Fórmula 1 todos os pilotos corressem com o mesmo carro? Aí sim as diferenças seriam visíveis nos pilotos, e não nas máquinas. Outra coisa: Eu nunca entendi direito a função do goleiro linha no futsal. Ele serve pra defender, pode jogar com os pés e pode pegar a bola com as mãos, então ele é um goleiro normal. Porque chamar de goleiro linha?? É uma pergunta tão idiota quanto à própria função de goleiro linha.

TCHOOO

Mas parando pra pensar, outro fator que favorece e muito a graça de comer uma laranja é que sua área comestível é composta por uns 80% de água. E segundo as leis da Associação Internacional da laranja com sementes, é praticamente impossível comer uma laranja no sofá da sala. Pelo menos pra mim. Simplesmente não dá, eu não consigo comer laranja sem sujar o chão, as mãos e o sofá, é claro. É quase que obrigatório ir até uma área de “menor risco” tipo o pufe de garrafa de coca cola 2 litros (que minha mãe fez) que fica no canto perto da janela, ou no meu quarto. Afinal, o quarto é meu mesmo, quem vai ter que limpar sou eu.. Isso sem falar que é muito divertido apostar com os amigos quem consegue comer uma laranja no menor tempo.

0 Reactions to this post

Add Comment

    Postar um comentário

    Seguinte!!

    Algumas dicas Básicas:

    * Discussões que não tem nada a Ver com o Post não serão aceitas

    * Por Favor, sem Xingamentos

    * Não peça Ajuda a Sua Mãe Para Comentar AQUI!!

    * Pra comentar é muito fácil. Basta escolher o perfil escrever o que quiser e enviar o comentário pra mim :) Simples né?

    Nota: Todos os comentários dessa postagem não refletem a opnião dos administradores. O sistema de comentários é uma forma de comunicação da equipe com os usuários.

    LEMBRANDO: VOCÊ PODE ME SEGUIR NO TWITTER CLICK AQUI

    Não me responsabilizo pelas coisas postadas aqui...

    Related Posts with Thumbnails