terça-feira, abril 13, 2010

VOCÊ JÁ BEIJOU HOJE??? #PERGUNTA


Já beijou hoje?! Ainda não? Então, aproveite e corra até o seu par para comemorar o Dia do Beijo, que hoje é assinalado.

Pode ser apaixonado, afetuoso, entre namorados, amigos, de mãe para filho, de filha para pai, beijo de bom-dia... O importante é celebrar a data e o amor sob todas as formas!

Não sendo claro porque decidiram celebrar o Dia Mundial do Beijo no dia 13 de abril - terá sido o dia em que Robert Doisneau tirou sua famosa fotografia do beijo de um casal numa rua de Paris? Foi esta a data na qual Rodin terminou sua clássica escultura? Ou o dia em que estreou nos cinemas "A Dama e o Vagabundo", o desenho da Disney que mostra a cena na qual os cachorrinhos beijam-se acidentalmente ao compartilhar um prato de espaguete? o fato é que um beijo roubado é mais instigante do que um previamente autorizado, os pretextos para que uma data tão interessante como esta seja celebrada pouco importam.

E o fato é que falar sobre beijos, embora não seja tão gostoso quanto o ato em si, é ingressar num universo de curiosidades.

Por exemplo na Índia, beijar em público é considerado um ato obsceno que pode ser punido com até dois anos de prisão e 33 euros de multa?

O ator Richard Gere, que cometeu a "indecência" de beijar uma atriz indiana durante um evento público em Nova Délhi no ano passado, aprendeu às duras penas que isso não se faz por lá.

Ironicamente, os mais antigos registros literários do ato de beijar provêm justamente da Índia. Trechos das Vedas, os mais antigos textos sagrados do Hinduísmo, escritos em sânscrito por volta do ano 1.500 A.C., e de outros livros hindus como o Mahbhrata, contêm trechos com descrições sensuais de bocas unindo-se. Eis um belo exemplo extraído da Satapatha Brahmana: "Amo beber o vapor de teus lábios". Outra obra seminal da literatura indiana, o famoso tratado sexual Kama Sutra, dedica um capítulo inteiro à arte de beijar, explicando, dentre outras valiosas lições, que "não há duração fixa ou ordem estabelecida entre o abraço e o beijo, o aperto e as marcas feitas com as unhas e os dedos".

Sábias palavras, que fizem lembrar um provérbio chinês: "O beijo é como a água salgada; quanto mais se bebe, mais sede se tem".

Se na Índia os beijos em público representam contravenções, você sabia que na Hollywood dos anos 30 cenas que fossem consideradas de "paixão excessiva" eram proibidas segundo o Código de Produção que regulou as produções cinematográficas até os primeiros anos da década de 60?

Pasmem: nenhum beijo em cena poderia durar mais do que 3 segundos. Nenhuma regra, porém, que não pudesse ser driblada por um realizador do talento de Alfred Hitchcock. Ao dirigir Interlúdio, em 1946, Hitchcock filmou uma cena na qual Cary Grant e Ingrid Bergman passam quase três minutos trocando uma série de beijos curtos, entremeados com abraços, diálogos ao pé do ouvido e carícias. Os censores nada puderam fazer para cortar essa longa seqüência; afinal de contas, nenhum dos beijos ultrapassou os três segundos permitidos.

Os protagonistas da sétima arte também renderam ótimos causos para serem compartilhados. Vide a história estrelada por Chico, um dos irmãos Marx. Reza a lenda que Chico foi apanhado pela esposa beijando uma corista. Em sua defesa, o irmão de Groucho proferiu a seguinte desculpa: "Querida, eu não estava a beijar-lhe. Eu estava apenas cochichando na sua boca!". Haja confidências...

Segundo pesquisas feitas pela médica francesa Martine Mourier, que escreveu uma tese de doutorado de mais de 200 páginas sobre os efeitos do beijo no organismo humano, um beijo carinhoso aciona 17 músculos, enquanto outro mais caliente movimenta 29.

A pressão que o rosto de uma pessoa exerce sobre outra chega a 12 quilos, e pelo menos 250 bactérias fazem um intercâmbio de uma boca para outra. Incrível como a ciência por vezes tira o romantismo de certos atos...

Voltando ao território da sétima arte os famosos beijos cinematográficos deram origem à melhor categoria do MTV Movie Awards: o prêmio de Melhor Beijo, que já foi concedido a cenas de filmes como Meu Primeiro Amor, Debi e Lóide e O Segredo de Brokeback Mountain.

Se este premio, criado em 1992, tivesse surgido anteriormente, certamente teria laureado com louvor cenas antológicas como o beijo na praia de Burt Lancaster e Deborah Kerr em A Um Passo da Eternidade, ou o beijo da morte que Michael Corleone dá em seu irmão Fredo em O Padrinho II.

Portanto aproveite esta data como um pretexto para celebrar o Dia Mundial do Beijo dando razão às palavras de Ingrid Bergman, que disse: "O beijo é um truque maravilhoso que a natureza inventou para interromper a conversa quando as palavras tornam-se supérfluas".

FELIZ DIA DO BEIJO!!

recebi a dica sobre a data da _sayoo

2 Reactions to this post

Add Comment
  1. Pri disse... 13 de abril de 2010 13:50

    Beijinho pra você então! :*

  2. sayoo disse... 13 de abril de 2010 16:05

    que orgulho meu nome ali uehuehuhe texto com embasamento histórico,Tu mesmo diz Ah, e eu escrevo bem pra cacete, não é pra me gabar não.
    Que seu dia seja repleto de Beijos.

Postar um comentário

Seguinte!!

Algumas dicas Básicas:

* Discussões que não tem nada a Ver com o Post não serão aceitas

* Por Favor, sem Xingamentos

* Não peça Ajuda a Sua Mãe Para Comentar AQUI!!

* Pra comentar é muito fácil. Basta escolher o perfil escrever o que quiser e enviar o comentário pra mim :) Simples né?

Nota: Todos os comentários dessa postagem não refletem a opnião dos administradores. O sistema de comentários é uma forma de comunicação da equipe com os usuários.

LEMBRANDO: VOCÊ PODE ME SEGUIR NO TWITTER CLICK AQUI

Não me responsabilizo pelas coisas postadas aqui...

Related Posts with Thumbnails